Pular para o conteúdo
Voltar

Projeto Rural Sustentável abre chamada complementar direcionada para produtores rurais interessados em agricultura de baixo carbono

Projeto oferece recursos financeiros para produtores de 44 municípios, além de assistência técnica e capacitação gratuita. Início da submissão de propostas começa no dia 10 de outubro.
Assessoria | Rural Sustentável

Viveiro de Colniza - Foto por: Henrique Pimenta
Viveiro de Colniza
A | A

O Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) e a Embaixada Britânica, com apoio do Instituto Brasileiro de Sustentabilidade e Desenvolvimento (IABS), lançaram, no último dia 02 de outubro, chamada complementar de propostas direcionada para produtores rurais de 44 municípios brasileiros que queiram transformar suas propriedades em Unidades Demonstrativas (UDs) do Projeto Rural Sustentável (PRS).

No total, a chamada complementar tem como meta identificar 150 UDs, ou seja, propriedades rurais de pequenos e médios produtores rurais que já adotam uma ou mais das quatro tecnologias de baixo carbono apoiadas pelo PRS. As propostas deverão ser submetidas em parceria com agentes de assistência técnica e, caso aprovadas, os produtores ou produtoras rurais poderão receber até R$20.880,00 e os Agentes de Assistência Técnica, até R$7.308,00, de acordo com o hectare de tecnologia implantada.

Podem participar da Chamada Complementar Direcionada de Unidades Demonstrativas os pequenos e médios produtores cujas propriedades estejam localizadas em algum dos municípios/estados indicados na Chamada; que sejam beneficiários (as) ou elegíveis para crédito rural; com área de 04 a 15 módulos fiscais e renda agropecuária bruta anual de até R$ 1.760.000.

No estado de Mato Grosso os municípios indicados na Chamada são: Brasnorte, Juara, Juína, Marcelândia, Nova Canaã do Norte, Querência, Sinop e Terra Nova do Norte.

As propostas devem ser submetidas para avaliação no portal www.ruralsustentavel.org em parceria com um agente de assistência técnica que, além de auxiliar o produtor, fará o acompanhamento na condução da tecnologia, caso o projeto seja aprovado. Os agentes de assistência técnica devem ser indicados por entidades de assistência técnica com atuação nos municípios objeto do Projeto.

 

TECNOLOGIAS APOIADAS PELO PROJETO

  • Sistema          de integração         Lavoura-­-pecuária-­-florestas     (iLPF),     incluindo     Sistemas Agroflorestais (SAF);
  • Plantio de Florestas Comerciais;
  • Recuperação de Áreas Degradadas com Pastagem (RAD/P);
  • Recuperação de Áreas Degradadas com Floresta (RAD/F);
  • Manejo Sustentável de Florestas Nativas.
 

SERVIÇO:

  • O prazo para a submissão de propostas técnicas: até 31 de novembro de 2017.
  • Link de acesso para o Edital – Municípios selecionados, critérios de elegibilidade e o roteiro para a candidatura: http://www.ruralsustentavel.org/participe
  • Todo o processo de cadastramento, submissão e aprovação de propostas técnicas ocorrem via portal Rural Sustentável www.ruralsustentavel.org.