Pular para o conteúdo
Voltar

Seaf percorre municípios para atender pequenos produtores

Feiras livres de Rosário Oeste e Nobres deverão ser revitalizadas com novo projeto, apoiado pela Seaf e prefeituras municipais
Henrique Pimenta | Seaf-MT

Produção de arroz de agricultor familiar de Rosário Oeste - Foto por: Henrique Pimenta
Produção de arroz de agricultor familiar de Rosário Oeste
A | A

A comitiva da Secretaria de Estado de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários (Seaf-MT) esteve presente, no final de semana (18.02 e 19.02), nos municípios de Rosário Oeste, Nobres e Alto Paraguai, para atender demandas referentes aos pequenos produtores do estado.

A equipe técnica da Seaf esteve, primeiramente, no sábado em Alto Paraguai, debatendo possíveis melhorias para atender a agricultura familiar, fortalecendo a piscicultura local, cedendo equipamentos e patrulhas mecanizadas, além do apoio para a reativação de um laboratório de mudas de banana, em Arenápolis. Também participaram o vice-governador Carlos Fávaro, senador José Medeiros e demais deputados estaduais e prefeitos da região Médio-Norte.

“A agricultura familiar é uma peça fundamental, e estamos motivados com essas parcerias com o atual Governo, beneficiando nossas cadeias produtivas. Sinto que a Seaf, junto com os deputados, quer fazer a diferença para os pequenos. Nós, que representamos as 50 famílias do projeto casulo, estamos motivados com a fábrica de farinha que será reformada”, comentou o presidente do assentamento Casulo, de Alto Paraguai, Vitor Freitas.

Segundo o vice-governador, Carlos Fávaro, não existe diferença entre agricultura familiar e o grande agronegócio. “O que existe é a agricultura eficiente, agricultura que dá certo e a que ainda não deu. As duas são importantes, as duas geram rendas e são muito importantes para restabelecer a dignidade dos nossos mato-grossenses. Aqui percebemos a possibilidade do crescimento dos pequenos produtores do estado, fortalecendo o desenvolvimento regional dos municípios e fazendo justiça social no campo. Uma região como esta, de economia exaurida, pode e vai ser recuperada a partir da agricultura familiar, é essa a vocação mato-grossense".

O secretário de Estado de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários, Suelme Fernandes, comentou que a pasta já está investindo nos municípios da região e estão previstas mais novidades. “Já entregamos patrulhas para Campo Novo do Parecis, Nova Maringá, Arenápolis, além da nova feira livre de Arenápolis, que é referência. Com o apoio das prefeituras, vamos continuar incentivando os pequenos produtores, e fortalecendo a agricultura familiar local com a produção de bananas e piscicultura”.

Novas feiras livres

Durante o domingo, a equipe técnica da Seaf, acompanhada dos prefeitos locais, equipe da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) e secretários de agricultura, vistoriou as feiras livres de Rosário Oeste e Nobres. O intuito é revitalizar os espaços públicos, que são tradicionais para a população nas duas cidades.

O objetivo da visita é a criação do novo projeto de feira para os municípios, espaço moderno, com box padronizado, que possua acessibilidade, cobertura, banheiros, restaurante, estacionamento e grande variedade de produtos da agricultura familiar.

“O espaço já está garantido e queremos revitalizar, junto do Governo do Estado, a feira livre, tornando-a um ponto turístico na cidade, pois ali passam muitos carros todos os dias, que podem parar para conhecer a gastronomia e o artesanato locais”, comentou o prefeito de Rosário Oeste, João Balbino.

Projetos de fortalecimento na produção de arroz e a bacia leiteira também foram assuntos pautados durante a visita técnica do Estado.