Pular para o conteúdo
Voltar

Seaf e parceiros realizam a última capacitação técnica do ano para o Pró-Café

Seaf-MT

Pró-Café - Foto por: Seaf MT
Pró-Café
A | A

A Secretaria de Estado de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários (Seaf-MT) e instituições parceiras realizaram entre os dias 08 e 11 de novembro mais um módulo de capacitação técnica do Programa Pró-Café. O evento foi realizado no auditório do Museu de História Natural da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat), em Alta Floresta.

A capacitação contou com a participação de 20 técnicos da Empaer e das Secretarias Municipais de Agricultura de 10 municípios do Estado. Eles participaram de dois cursos: "Treinamento para o diagnóstico do perfil da cadeia do café" e "Implantação e manejo de áreas de café clonal: lavoura, jardim clonal e viveiro", incluindo aulas práticas em sete propriedades da região.

O primeiro curso sobre o diagnóstico, resultou em uma aplicação teste de um questionário aos produtores. Tal questionário, após ser ajustado conforme as características da cafeicultura de Mato Grosso, será aplicado aos produtores do estado. O objetivo é fazer o levantamento acerca dos aspectos produtivos, socioeconômicos e ambientais da cadeia do café nos 10 municípios participantes do Programa.

Conforme George Luiz de Lima, Analista de Desenvolvimento Econômico e Social em exercício, as capacitações possuem grande importância no Pró-Café, pois abordarão novas técnicas para a produção do café, culminando no aumento da produtividade, renda do agricultor familiar e qualidade do produto final.

Assim que concluído, o diagnóstico será disponibilizado pela Seaf-MT e Embrapa Rondônia, empresa que também apoiará a Seaf-MT no monitoramento e avaliação do Programa e na instalação de unidades de referência tecnológica.

Segundo o secretário de Estado de Agricultura Familiar de Mato Grosso, Suelme Fernandes, a revitalização de viveiros municipais, a disseminação de mudas clonal com alto potencial produtivo e a capacitação dos técnicos foram ganhos da implementação do Pró-Café em Mato Grosso.

Até 2018, a Seaf-MT e parceiros realizarão mais três capacitações, com os mesmos técnicos multiplicadores, a fim de garantir uma sequência qualificada na capacitação continuada dos mesmos.

Atualmente, o Programa contempla 10 municípios das regiões norte, noroeste e, de acordo com o potencial de produção em cafeicultura. São eles: Alta Floresta, Carlinda, Nova Bandeirantes, Nova Monte Verde, Aripuanã, Colniza, Cotriguaçu, Juína, Rondolândia e Tangará da Serra.

Desenvolvido pela Seaf, o Pró-Café conta com apoio da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), da Empresa Mato-grossense de Pesquisa, Assistência e Extensão Rural (Empaer) e das prefeituras municipais.