Pular para o conteúdo
Voltar

Agricultura familiar é destaque em Seminário na UFMT

Henrique Pimenta | Seaf-MT

SemiEdu UFMT - Foto por: Henrique Pimenta
SemiEdu UFMT
A | A

 

A agricultura familiar de Mato Grosso foi destaque na 24ª edição do Seminário de Educação (SemiEdu) da Universidade Federal de Mato Grosso, realizado dos dias 03 a 05 de outubro. O tema do seminário foi “Saberes e Identidades: Povos, Culturas e Educações”.

A programação contou com exposições artísticas, e apresentações de corais regionais, apresentações corporais e de ritmos, como danças indígenas, capoeira e maracatu. Toda a programação incluía as temáticas do Patrimônio Imaterial Indígena, Pantaneiro e Afro-quilombola.

A agricultura familiar marcou presença com uma feira realizada em todos os dias do evento, com exposições e comercialização de artesanatos e produtos diretos do campo, oriundos da exploração bioextrativista. Entre eles, alimentos orgânicos comercializados pela Comunidade do Chumbo e Comunidade São Benedito, ambas de Poconé.

Foram expostos produtos nativos da região. A Coopamsal, cooperativa de Santo Antônio do Leverger, levou à feira produtos naturais do coco de babaçu, como farinha, óleo, biscoito, pão e sobremesas.

Conforme Rosilene Rodrigues, presidente da Coopamsal, além de divulgar e comercializar os produtos, a participação das cooperativas em eventos como este tem o objetivo de mostrar que é possível viver com qualidade no campo e que as pequenas propriedades podem sim gerar boa renda, possibilitando inclusive, a sucessão familiar. “Meu maior sonho é fortalecer a produção da cooperativa e fazer com que os nossos jovens tenham estrutura para escolher continuar no campo”, declarou Rosilene.  

Tendo como princípio a valorização e fortalecimento da agricultura familiar, a Secretaria de Estado de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários esteve presente no evento para divulgar o trabalho realizado pelas cooperativas e estimular a comercialização e valorização do trabalho dos pequenos produtores